Sintauern encaminha Ofício solicitando reunião com a Unimed

Comunicado

Preocupados com a possibilidade de interrupção dos serviços de saúde, em virtude da aprovação da Lei que regulamentou nosso Auxilio Saúde, o Sintauern solicitou a Superintendência da Unimed Mossoró, uma reunião em caráter de emergência, para tratarmos de possíveis soluções.

Na oportunidade, convidaremos os Assessores Jurídicos da ADUERN e da Administração da UERN para discussão e encaminhamentos.

A Direção

UMA REUNIÃO PARA NADA

Reunião na Governadoria

Aguardando ansiosos pelo desenrolar da reunião convocada pela Chefia de Gabinete do governador Robinson Faria, representantes da ADUERN, SINTAUERN, DCE e Reitoria foram surpreendidos pela Secretária Tatiana Mendes, ao declarar que as condições do Estado do Rio Grande do Norte continuavam na mesma e que estava ali para propor a finalização da greve dos servidores da UERN, que já completou 100 dias, sem que haja um motivo para a paralisação.

Disse a secretária que “Não há nenhum tratamento diferenciado com a UERN, ela está recebendo nos mesmos moldes que outras categorias, à exceção da segurança, que teve tratamento diferenciado. A saúde está sendo paga graças a um recurso federal, que tem garantido os salários dos ativos em dia. A educação básica tem recebido graças aos recursos do FUNDEB.

Faço esta reunião como um apelo para que a UERN acabe com esta greve. Não concordamos que haja motivos para continuar um movimento deste por tanto tempo. Ninguém deve ficar tanto tempo sem trabalhar”.

Os servidores que saíram de Mossoró por volta das 6h e viajaram durante quatro horas, estavam ali aguardando uma proposta para levar às suas categorias, que possibilitasse a finalização da paralisação, ficaram surpresos com a falta de bom senso dos membros do Governo pelo fato deles terem convocado uma reunião para não propor nada e ainda solicitaram o fim do movimento paredista quando não há nenhuma possibilidade concreta do pagamento dos salários serem colocados em dia, diante de um atraso que persiste por dois anos.
A presidente da ADUERN, Rivânia Moura, ainda fez uma proposta para que o governo incluísse um sistema linear no escalonamento dos pagamentos dos salários, tentando sensibilizar os secretários para a necessidade de se apresentar, pelo menos, um ponto de aprovação ou de mudança no sistema de pagamento, fazendo com que todos os servidores, independentes dos valores salariais, recebessem um percentual, mesmo pequeno, para fazer frente às suas necessidades mais urgentes.

O presidente do SINTAUERN, Elineudo Melo, concordou com a sugestão da presidente da Aduern e também reclamou da falta de propostas dos representantes do Governo na reunião, convocada por eles mesmos. Afirmou o presidente que seria impossível encerrar a greve sem oferecer aos servidores uma alternativa para os constantes atrasos dos salários. A estudante Glisiany Plúvia, que preside o DCE da UERN, foi enfática em afirmar que não deseja greve e que gostaria de estar estudando, mas não pode fechar os olhos para a atual situação da UERN. A reunião, após muitos discursos, foi encerrada da mesma forma como começou, sem nenhuma novidade. Diante disso, a greve na UERN continua.

COMANDO DE GREVE – SINTAUERN

Nota sobre a Decisão de Reintegração

O SINDICATO DOS TÉCNICOS ADMINISTRATIVOS DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE – SINTAUERN, através de sua diretoria, vem à público INFORMAR aos associados e integrantes da categoria dos técnicos administrativos da universidade que, nesta data (23.01.2018), o juízo da 2ª Vara da Fazenda Pública de Mossoró reconheceu a ilegalidade do afastamento dos servidores decorrente da Portaria nº 0107/2018-GP/FUERN e determinou a imediata reintegração destes.

A conquista do sindicato através do mencionado processo é mais uma na árdua batalha que a categoria vem enfrentando ao longo dos anos no afã de ver reconhecido os relevantes serviços prestados ao longo de mais de 20 anos na instituição.

A decisão judicial não é definitiva, mas assegura aos servidores o retorno as atividades e a garantia de que seja observado o devido processo administrativo com todas as garantias constitucionais.

A luta continua…

Parabéns aos Técnicos Administrativos da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte e as 86 famílias beneficiadas. Essa conquista é nossa!

Diretoria – SINTAUERN

Juiza defere liminar impetrada pelo Sintauern para reintegração de servidores

Justiça

Na tarde de hoje (23), a juiza da 2ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Mossoró, Kátia Cristina Guedes Dias, deferiu Tutela Antecipada anulando a Portaria nº 0107/2018-GP/FUERN, que rescindiu os vínculos funcionais dos servidores da UERN, efetivados pela Lei nº 6.697/1994, determinando que: “os servidores descritos no anexo único da portaria serem, liminarmente, reintegrados as suas atividades laborais, com todos os efeitos financeiros decorrentes até conclusão do processo administrativo”.

A Diretoria do SINTAUERN oficializará a Reitoria da UERN sobre a decisão.

Mobilização contra o Pacote de Maldades

Comunicado

O Sindicato dos Técnico-Administrativos (Sintauern), convoca todos os Técnicos Administrativos da UERN para participarem do Ato de Manifestação na Assembleia Legislativa, no dia 16/01 (terça-feira), contra o “Pacote de Maldades” enviado pelo Governo do Estado.

Para tanto, pedimos que os técnicos interessados em participar, LIGUEM ATÉ 12h DA SEGUNDA FEIRA para o 3317-5803, mostremos a nossa união e força, para que juntos possamos garantir os nossos direitos.

TECNICOS ADMINISTRATIVOS DA UERN ENTRAM EM GREVE

Assembleia

Em assembleia realizada nesta manhã (10/01), no auditório da Faculdade de Filosofia e Ciências Sociais – FAFIC, os servidores técnicos administrativos da UERN aprovaram a paralização das atividades, por ampla maioria.
Foi deliberado que os mesmos, só retornariam as atividades quando o pagamento salarial for normalizado, conforme determina a Constituição Estadual.
Foi encaminhado ofício à administração superior da Universidade, oficializando a decisão e pedindo a intermediação de uma audiência com o Governador do Estado.

A Diretoria

Assembleia Geral Extraordinária

Assembleia Geral Extraordinária

EDITAL DE CONVOCAÇÃO

Pelo presente edital, ficam convocados os associados deste Sindicato, estando em pleno gozo de seus direitos sindicais, para se reunirem em assembleia geral, no dia 10 de janeiro de 2018 (quarta feira), no auditório da Faculdade de Filosofia e Ciências Sociais – FAFIC, nesta cidade, a instalar-se em primeira convocação às 08h30min e segunda às 09 horas, para tomarem conhecimento e deliberarem sobre a seguinte ordem do dia:

1. Greve geral da categoria
2. Informes.

Mossoró-RN, 08 de janeiro de 2018.

Francisco Elineudo de Freitas Melo
PRESIDENTE

Mensagem de Fim de Ano

Fim de Ano

Chegamos ao fim de mais um ano e aqui queremos renovar o nosso compromisso de sempre estar ao lado da verdade e defendendo os interesses e as solicitações da nossa Categoria.

Esperamos e confiamos que em 2018, sejamos muito mais fortes e dispostos a continuarmos na missão de representar o SINTAUERN em todos os momentos.

Nestes dois anos de mandato como Presidente e Vice, procuramos atuar e colocar em prática o verdadeiro papel de uma representação sindical, ao mesmo tempo em que procuramos pela aprovação de todos os projetos e benefícios em prol dos nossos servidores.

Queremos agradecer de coração a todos (as) amigos (as), familiares e parceiros (as) que sempre nos apoiaram na nossa missão de representar o nosso sindicato. É com esse apoio que terminamos 2017, e entramos em 2018, não com a sensação do dever cumprido, mas que fizemos o possível, e que ainda temos muito o que fazer.

Desejamos a todos (as) um Feliz Natal e um Ano Novo de infinitas realizações, tanto no campo pessoal como no profissional.

Elineudo Melo
Presidente

Fábio Bentes
Vice-Presidente

NOTA DE PESAR

Nota de Pesar

O Sindicato dos Técnico-Administrativos (Sintauern) lamenta o falecimento, na manhã de hoje, terça-feira, 19 de dezembro, do servidor, Raimundo Fernandes de Queiroz, que prestou relevantes serviços a UERN.

A Diretoria apresenta condolências aos familiares nesta hora de profundo pesar.